Conheça o nutriente mais importante para seu Pet, a Água

Cerca de 71% da superfície do planeta terra é composta por água. E a substância mais abundante nos seres vivos também é a água, cerca de 70%.

As células possuem cerca de 64% da água corporal, o plasma contém água, as cartilagens e até os ossos, que possuem cerca de 25% de água.

A água tem uma importância crucial para as células vivas. As propriedades químicas e físicas da água são muito importantes para a estrutura e funções das biomoléculas. A água é o solvente das reações metabólicas, participa de reações bioquímicas, controla a pressão e concentração nas células, ajuda a controlar o pH de todo o organismo e é essencial na manutenção da temperatura corporal.Por isso é tão fácil a morte de qualquer organismo vivo por desidratação.

O corpo de um cão, por exemplo, possui cerca de 56% de água. E a desidratação nos cães mata mais rápido do que a deficiência de qualquer outro nutriente. Por isso e pela importância da água descrita anteriormente, ela é considerada o nutriente mais importante na dieta.

A água também é considerada o nutriente mais importante para os gatos. Porém os gatos podem lidar melhor com a privação de água do que os cães. Para isso, os gatos produzem urina mais concentrada, o que evita a perda de água pelo organismo. Entretanto, essa adaptação fisiológica pode aumentar a chance de problemas no trato urinário dos gatos, como os cálculos urinários.

A água, apesar de ser o nutriente mais importante em todas das fases de vida dos cães e dos gatos, em alguns casos específicos, merece atenção redobrada.

Durante a lactação as gatas e cadelas devem ingerir muito mais água do que o normal. A água é muito importante para a produção do leite. Uma cadela grande, por exemplo, pode tomar de 5 a 6 litros de água por dia.

Para cães e gatos idosos a atenção também deve ser redobrada. Com a idade a sensitividade à sede diminui o que faz com que os animais idosos tomem uma menor quantidade de água. Além disso a menor ingestão de água pode agravar problemas renais comuns durante essa fase de vida dos animais.

É sempre importante observar o comportamento do seu animal e perceber se ele alterou a sua ingestão de água. Se ele apresentar esse comportamento, é indicado levá-lo ao Médico Veterinário, pois isso pode ser um indício de problemas renais.

As alimentações naturais contém muita água, o que facilita a ingestão desse nutriente de forma indireta para seu cão e seu gato. Ela é indicada para todas as fases de vida dos animais.A ingestão de água em quantidades ideais promovem uma melhora na saúde de no bem estar do seu animal.

Fique atento ao comportamento do seu animal. Observe a frequência com que ele toma água. Lavar a vasilhinha e manter a água sempre fresca podem estimulá-lo a tomar mais água. Afinal, queremos nossos amigos sempre saudáveis e bem cuidados.


Lígia Alfenas e Andressa Gusmão, instrutoras da PetLogia.

PetLogia - Ideal para seu negócio, ideal para seus pets.


comments powered by Disqus